Your browser doesn't support javascript.

SciELO Livros

SciELO Livros

Home > Pesquisa > (223)
Imprimir Exportar

Formato de exportação:



Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Esta página Sua seleção Todas as referências (max. 300)
|
Resultados 1 - 20 de 223
1.

Clássicos em Doença de Chagas: histórias e perspectivas

(eISBN:9786557081013)
Organizador(es): Carvalheiro, José da Rocha; Azevedo, Nara; Araújo-Jorge, Tania C. de; Lannes-Vieira, Joseli; Soeiro, Maria de Nazaré Correia; Klein, Lisabel
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2009
Sinopse: Este admirável volume reuniu especialistas de diversos campos do conhecimento para comentar a importância de 15 artigos clássicos associados à descoberta científica de Carlos Chagas, que completou cem anos em 2009. A obra indica novas diretrizes e os desafios que ainda cercam a doença na atualidade. Organizado por pesquisadoras do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz) e da Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz), pela coordenadora de eventos da Fiocruz e por um ex-vice-presidente de pesquisa da instituição, que juntos formaram uma rede para definir quais seriam os principais artigos clássicos que demarcaram o avanço das pesquisas sobre doença de Chagas, o livro contextualiza-os em relação ao centenário e “…assim surge…, coletivo, histórico e atual”, nas palavras de uma das organizadoras.
2.

Solidariedade ou Competição? Políticas e sistema de atenção à saúde na Alemanha

(eISBN:9786557080979)
Autor(es): Giovanella, Lígia
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2001
Sinopse: Analisa o sistema de proteção social à saúde – na Alemanha, Seguro Social de Doença. O seguro social implica a segmentação da clientela, assim, a solidariedade é resultado de mecanismos políticos de negociação corporativa, quando são capazes de gerar pactos sociais que reduzam a estratificação. O Estado exerce papel fundamental para a garantia do processo de negociação corporativa, para a regulação do mercado e garantia dos direitos dos usuários e no desenvolvimento de políticas para os grupos desprotegidos ou para demandas específicas. Apesar de enfocar a realidade alemã, este livro oferece grande contribuição na reflexão sobre questões de políticas de saúde, consideradas, talvez precocemente, obsoletas pelos reformadores brasileiros.
3.

Políticas Internacionais de Saúde na Era Vargas: o Serviço Especial de Saúde Pública, 1942-1960

(eISBN:9786557081006)
Autor(es): Campos, André Luiz Vieira de
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2006
Sinopse: A obra analisa o Sesp enquanto agência responsável pela institucionalização das políticas públicas de saúde no Brasil. Para tanto, divide-se em três partes: a primeira conta com dois capítulos e fala sobre a origem do Sesp no contexto das relações internacionais entre Brasil e EUA e da Segunda Guerra Mundial; a segunda divide-se em quatro capítulos que dissertam sobre o controle da malária nas bases americanas no Brasil (Belém, Recife e Natal), a política sanitária exercida na Amazônia (por conta das migrações para o esforço de guerra na colheita da borracha), no Vale do Rio Doce e nas regiões produtoras de mica em Minas Gerais; e a última, com três capítulos, expõe as estratégias de sobrevivência e transformações do Sesp no pós-guerra, seu papel na administração sanitária e colaboração na expansão do poder público na década de 50.
4.

Vida e Obra de Oswaldo Cruz

(eISBN:9786557080993)
Autor(es): Fraga, Clementino
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2005
Sinopse: Lançado após três décadas de sua primeira e única edição pela Livraria José Olympio Editora, este livro retrata um extraordinário momento da saúde pública brasileira. Trata-se de uma reedição da biografia de Oswaldo Cruz escrita por Clementino Fraga e lançado no ano de 1972. Representa uma bela e delicada homenagem do discípulo a seu mestre, ambos imortalizados na história da saúde pública no Brasil.
5.

Genes: fatos e fantasias

(eISBN:9786557081020)
Autor(es): Garcia, Eloi S.
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2006
Sinopse: O livro traz uma análise sobre a fronteira entre ciência e tecnologia, focalizando as novas idéias da era pós-genômica. Com uma linguagem clara e compreensível, o autor analisa os avanços científicos e suas conseqüências para a humanidade, com foco no desenvolvimento da biologia molecular e da genética.
6.

Impactos da Violência na Saúde

(eISBN:9786557080948)
Organizador(es): Njaine, Kathie; Assis, Simone Gonçalves de; Constantino, Patricia; Avanci, Joviana Quintes
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2020
Sinopse: Originalmente organizado para dar suporte a um curso a distância, o livro extrapola seus objetivos iniciais e compartilha com estudantes, profissionais e gestores de saúde ideias e reflexões para reconhecer e enfrentar a violência como grave problema de saúde pública. A obra contextualiza a violência na realidade brasileira, aborda a história da incorporação do tema na agenda do setor saúde e discute a importância de uma política para a área. Destaca como a família, a escola, a comunidade e a mídia podem e devem ser alvos de medidas de prevenção à violência. De modo didático, descreve cenas e casos de violência que chegam aos serviços de saúde e, em seguida, oferece textos para reflexão e outras sugestões de leitura, de modo que os profissionais possam se preparar para lidar com situações semelhantes. Dessa forma, são estudados e discutidos temas como crianças e adolescentes em situações de violência; formas de institucionalização tradicionalmente reconhecidas pelas relações de violência; violência no trabalho; e violência contra pessoas portadoras de deficiência, mulheres e idosos. Completam a obra um passo a passo para um diagnóstico situacional da violência; uma proposta para a elaboração de um plano local de promoção, prevenção e atenção às situações de violências e acidentes; e exemplos de avaliação de programas e ações nesse campo.
7.

Vacina Antivariólica: ciência, técnica e o poder dos homens, 1808-1920

(eISBN:9786557080955)
Autor(es): Fernandes, Tania Maria
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2010
Sinopse: Esta segunda edição revista do livro traz importantes atualizações para a pesquisa no tema. A primeira edição discutia as relações entre ciência, técnica e produção, tendo como referência a descoberta de Jenner e as reflexões de Pasteur sobre a vacina antivariólica. Aborda a organização institucional implementada durante o Império com o objetivo de possibilitar a prática da vacinação por intermédio da Junta Vacínica e do Instituto Vacínico do Império, introduzindo as primeiras experiências com a vacinação animal no Brasil realizadas na Santa Casa da Misericórdia. Trata, finalmente, da sobrevivência do Instituto Vacínico Municipal em outro contexto institucional, polarizado entre propostas de centralização e descentralização dos poderes públicos para a organização dos serviços de saúde. Destaca o surgimento de um conflito entre o barão de Pedro Affonso e Oswaldo Cruz, que representou uma das polêmicas da época em torno da centralização dos serviços de saúde e que contribuiu para os diferentes alinhamentos que redundaram em posições antagônicas assumidas por médicos e políticos. Este novo volume apresenta ainda novas contribuições bem mais recentes de estudiosos do assunto, além das diretrizes atualizadas pela Opas e OMS no âmbito das campanhas de erradicação desenvolvidas em diversos países.
8.

Brasil Saúde Amanhã: população, economia e gestão

(eISBN:9786557080931)
Organizador(es): Gadelha, Paulo; Noronha, José Carvalho de; Dain, Sulamis; Pereira, Thelma Ruth
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2016
Sinopse: Esta obra pretende refletir sobre o Brasil que queremos em um horizonte de vinte anos. Comprometido com a efetivação do SUS e a melhoria da saúde pública brasileira, o livro discute temas como projeções do perfil epidemiológico do país, organização e gestão dos serviços de saúde. Para identificar tendências, construir indicadores e intervir na realidade, os autores utilizam as ferramentas da prospecção estratégica. “Prospectar o futuro é ter um programa de ação. É criar elementos para a articulação e indução de políticas econômicas e sociais, no interesse do desenvolvimento com equidade, fomentando o acesso e a inclusão de camadas excluídas, expandindo e assegurando direitos sociais às significativas parcelas da população que permanecem marginalizadas”, explicam os organizadores. “Tomando a realidade atual como ponto de partida e a materialização das aspirações como ponto de chegada, torna-se possível projetar futuros favoráveis ao desenvolvimento econômico e social, dos quais faz parte um patamar mais elevado de gasto público em saúde, compatível com a universalização do acesso, há tanto anunciada”. O livro integra um conjunto de publicações resultantes da iniciativa Brasil Saúde Amanhã, rede multidisciplinar de pesquisa, coordenada pela Fiocruz, com apoio do Ministério da Saúde.
9.

Brasil Saúde Amanhã: dimensões para o planejamento da atenção à saúde

(eISBN:9786557080900)
Organizador(es): Noronha, José Carvalho de; Lima, Luciana Dias de; Chorny, Adolfo Horácio; Dal Poz, Mario Roberto; Gadelha, Paulo
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2017
Sinopse: “Este livro reúne trabalhos desenvolvidos sobre os temas relacionados às projeções do perfil epidemiológico do país e a organização e gestão dos serviços de saúde, com o objetivo de apoiar o planejamento e a prospecção estratégica do sistema de saúde em âmbito nacional. A abordagem de prospecção estratégica adotada pela iniciativa Brasil Saúde Amanhã pretende expandir a capacidade de compreensão em relação a temas e situações emergentes fundamentais para o planejamento em saúde de médio e longo prazo. Para tanto, integra perspectivas, procedimentos e ferramentas das pesquisas de tendências e dos estudos de futuro. […] Em síntese, o livro oferece um conjunto diversificado de informações, todas de suma relevância para o planejamento nacional em saúde. Esperamos que ele possa contribuir para o debate acerca das mudanças, tendências e desafios para as políticas de saúde nas próximas décadas e para a proposição de alternativas que busquem o fortalecimento do sistema público de saúde no Brasil.”
10.

Brasil Saúde Amanhã: complexo econômico-industrial da saúde

(eISBN:9786557080924)
Organizador(es): Gadelha, Carlos Augusto Grabois; Gadelha, Paulo; Noronha, José Carvalho de; Pereira, Telma Ruth
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2017
Sinopse: Este volume é dedicado à reflexão sobre o complexo econômico-industrial da saúde (CEIS), a partir da proposição de que a articulação entre avanço tecnológico, desenvolvimento produtivo e promoção da saúde é fundamental para garantir efetividade na formulação de políticas públicas para o setor. Organizadores e autores do livro defendem a necessidade de conjugar conceitos de diversas áreas da ciência para o fortalecimento do CEIS, diante da “profunda desarticulação das competências tecnológicas e produtivas e da perda de oportunidades para avançar na estruturação de um sistema público de saúde”, efeitos da condução neoliberal da economia que prevaleceu na década de 1990. Os cinco capítulos são apresentados como parte “de uma visão integrada, sistêmica e de economia política”, analisando aspectos relacionados à produção e inovação no âmbito do CEIS, e buscando consolidar bases políticas e acadêmicas para a construção “de um projeto nacional assentado no avanço social e da estrutura produtiva”. O livro integra um conjunto de publicações resultantes da iniciativa Brasil Saúde Amanhã, rede multidisciplinar de pesquisa, coordenada pela Fiocruz, com apoio do Ministério da Saúde.
11.

Rede de frio: gestão, especificidades e atividades

(eISBN:9786557080962)
Organizador(es): Silva, Marileide do Nascimento; Flauzino, Regina Fernandes
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2017
Sinopse: Um eficiente (e complexo) processo de conservação, armazenamento e distribuição – denominado rede de frio – garante a qualidade das vacinas que chegam às diversas salas de imunização do país. A manutenção adequada da rede de frio é fator essencial para que se alcance o objetivo de imunizar as pessoas contra doenças infecciosas de grande relevância. Igualmente indispensáveis são a conscientização e a preparação dos profissionais encarregados da rede de frio, a quem esta obra especialmente se dirige. “É fundamental que a formação desses profissionais esteja em consonância com a proposta da vigilância em saúde, baseada na atenção básica e na reorganização das práticas sanitárias, com ênfase na integralidade do cuidado, sem perder o foco da importância do conhecimento técnico”, afirmam as organizadoras. Este volume “destaca a necessidade do trabalho compartilhado e do planejamento para gestão eficiente da rede; ressalta o papel estratégico que o trabalhador da rede de frio desempenha nesse processo; e debate assuntos que vão desde o calendário vacinal até o gerenciamento dos resíduos resultantes das atividades desenvolvidas na imunização e na rede de frio de imunobiológicos”.
12.

Rede de frio: fundamentos para a compreensão do trabalho

(eISBN:9786557080917)
Organizador(es): Silva, Marileide do Nascimento; Flauzino, Regina Fernandes; Gondim, Grácia Maria de Miranda
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2017
Sinopse: Um eficiente (e complexo) processo de conservação, armazenamento e distribuição – denominado rede de frio – garante a qualidade das vacinas que chegam às diversas salas de imunização do país. E este é um assunto de extrema importância, especialmente num contexto de ampliação das atividades do Programa Nacional de Imunizações (PNI), o que “requer dos profissionais constantes atualizações técnicas não somente sobre o imunobiológico, mas, também, a respeito de sua guarda e seu manuseio, da organização do sistema de vigilância e, especialmente, da organização e estruturação dos serviços, das fontes de recursos utilizadas etc.”. Este volume “tem como objetivo proporcionar reflexões sobre conceitos e/ou práticas cotidianas inerentes aos serviços de saúde, no campo da rede de frio de imunobiológicos, instrumentalizando os profissionais com novos saberes e visão crítica no exercício de suas atividades”.
13.

Poder, hierarquia e reciprocidade: saúde e harmonia entre os Baniwa do Alto Rio Negro

(eISBN:9786557080122)
Autor(es): Garnelo, Luiza
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2003
Sinopse: Resultado de ampla pesquisa na qual a autora apresenta os diversos aspectos que compõem o complexo mundo baniwa, a importância que a doença ocupa nele, suas especificidades, sua cultura, seu modo estóico de vida, suas inter-relações com outros grupos étnicos do Alto Rio Negro, Amazonas. Nos permite mergulhar e melhor compreender o ‘caleidoscópio de problemas vividos hoje pelos povos indígenas’ no Brasil em diversas áreas. Sociopoliticamente de alta relevância, revela a distância entre as necessidades desse povo e os serviços de saúde para eles disponibilizados, pautados por um tendência à uniformização e baixa sensibilidade às diferenças culturais. Transcende o contexto rionegrino, sendo relevante para o universo indígena como um todo. Academicamente instigante e politicamente perspicaz, inaugura nova coleção em grande estilo.
14.

A Cosmopolítica da gestação, do parto e do pós-parto: autoatenção e medicalização entre os índios Munduruku

(eISBN:9786557080146)
Autor(es): Dias-Scopel, Raquel Paiva
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2018
Sinopse: A pesquisadora Raquel Paiva Dias-Scopel, do Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia), levanta questões sobre a valorização e respeito à diversidade étnica e cultural dos povos indígenas e a difícil interface com o processos de medicalização e do direito ao acesso aos serviços de saúde biomédicos. O livro é parte da Coleção Saúde dos Povos Indígenas, da Editora Fiocruz e partiu da tese de doutorado defendida em 2014 no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi publicado pela primeira vez em 2015 pela Associação Brasileira de Antropologia com o título A Cosmopolítica da Gestação, Parto e Pós-Parto: práticas de autoatenção e processo de medicalização entre os índios Munduruku. No prefácio da primeira edição, sua orientadora, a doutora em antropologia e professora titular da UFSC, Esther Jean Langdon, ressalta que o conceito fundamental deste livro é da autoatenção, que aponta para o reconhecimento da autonomia e da criatividade da coletividade, principalmente da família, como núcleo que articula os diferentes modelos de atenção ou cuidado da saúde.
15.

Entre Demografia e Antropologia: povos indígenas no Brasil

(eISBN:9786557080139)
Organizador(es): Santos, Ricardo Ventura; Guimarães, Bruno Nogueira; Campos, Marden Barbosa de; Azevedo, Marta Maria do Amaral
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2019
Sinopse: Oitavo livro da coleção Saúde dos Povos Indígenas, Entre Demografia e Antropologia: povos indígenas no Brasil apresenta profundas avaliações sobre as dinâmicas populacionais indígenas. A coletânea levanta contribuições que indicam que os escassos dados demográficos de décadas atrás se tornaram mais abundantes, passando a fomentar políticas públicas. Em suas abordagens, a obra passa por pesquisas e conhecimentos multidisciplinares, que vão de questões de migração, mobilidade e dinâmica territorial até a contextualização de dados censitários e a forma como a população indígena é retratada nos censos demográficos do Brasil. A antropóloga Marta Azevedo ressalta a importância de “buscar uma maior participação da população indígena na produção de dados e análises demográficas”. Segundo ela, tão estratégico quanto continuar a fomentar a realização de uma demografia indígena é formar demógrafos indígenas no país. O anseio expressado pela autora e organizadora aparece no último capítulo do livro, que é dividido em três partes: Perspectivas a partir do Campo, Dados Censitários em Contexto e Trajetórias, Categorias, Implicações.
16.

Atenção diferenciada: a formação técnica de agentes indígenas de saúde do Alto Rio Negro

(eISBN:9786557080115)
Autor(es): Garnelo, Luiza; Sampaio, Sully de Souza; Pontes, Ana Lúcia
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2019
Sinopse: Mais um lançamento da coleção Fazer Saúde, o livro apresenta as contribuições do Curso Técnico de Agentes Comunitários Indígenas de Saúde (CTACIS) na região do Alto Rio Negro do Brasil. Com a proposta de melhorar os serviços de saúde nas comunidades indígenas, o curso foi desenhado como uma estratégia multidisciplinar por diversos atores e implementado de acordo com as realidades locais. Em seus sete capítulos, a obra analisa etapas como o trabalho e a formação dos agentes comunitários e indígenas de saúde, as concepções político-pedagógicas e a organização curricular do CTACIS, os cuidados da saúde de crianças e mulheres indígenas, vigilância alimentar e nutricional em terra indígena, além de temas transversais, como território, cultura e política. O título é resultado de um trabalho conjunto feito pelos autores Luiza Garnelo, médica-sanitarista e antropológa, Sully Sampaio, cientista social, e Ana Lúcia Pontes, médica-sanitarista e pesquisadora da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz). Garnelo e Sampaio são, respectivamente, pesquisadora e bolsista do Instituto Leônidas & Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia), unidade técnico-científica da Fundação Oswaldo Cruz no Amazonas. Segundo a médica Myrna Cunningham Kain, pertencente ao povo miskitu, da Nicarágua, e defensora dos povos indígenas, o livro é “”uma contribuição significativa para a implementação efetiva de sistemas de saúde com enfoque intercultural e que permitam a plena realização dos direitos dos povos indígenas e de todos que habitam este continente””. A coleção Fazer Saúde pretende, com seus títulos, contribuir para a qualificação de profissionais, pesquisadores e gestores do SUS, estimulando o diálogo entre conhecimentos científicos, educação, inovações tecnológicas, saberes e práticas em saúde.
17.

Carlos Chagas, um cientista do Brasil = Carlos Chagas, scientist of Brazil

(eISBN:9786557080009)
Autor(es): Kropf, Simone Petragli; Lacerda, Aline Lopes de
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2009
Sinopse: Esta esmerada obra – que reúne um conjunto iconográfico singular, fruto de ampla pesquisa, e uma compilação dos mais expressivos documentos relativos à vida e à obra de Carlos Chagas – conduz o leitor através das múltiplas dimensões da trajetória biográfica desse distinto pesquisador e suas variadas facetas. Por se tratar de um livro composto essencialmente de imagens, contém pouco texto próprio, mas não menos importante, como o que descreve Chagas como um dos líderes do movimento que preconizava a intervenção do Estado na saúde pública. À época, o Brasil era considerado ‘doente’ não porque fosse país tropical ou formado por mestiços, mas porque não havia políticas preventivas na área da saúde. Chagas, pois, além de brilhante cientista, foi também um destacado sanitarista. A obra é constituída de capítulos que abrangem sua infância, sua formação médica, as campanhas que realizou contra a malária, a descoberta da doença que leva seu nome, os estudos sobre tal assunto, a polêmica em torno da nova enfermidade, a expedição que realizou à Amazônia, sua atuação como diretor do IOC e como gestor da saúde pública federal, sua atividade como professor, alguns aspectos de sua vida pessoal e familiar e, por fim, premiações e títulos que conquistou ao longo de sua carreira. Os conteúdos históricos fundamentais sobre cada tema estimularão o leitor a percorrê-lo através da narrativa das imagens. A publicação tem o mérito de contribuir para a propagação da obra de Carlos Chagas, que, longe de situar-se em um passado distante, apresenta plena atualidade com o presente da agenda sanitária e política relacionada às chamadas doenças tropicais negligenciadas, e à sua associação com a pobreza nos países em desenvolvimento.
18.

Segurança do paciente: conhecendo os riscos nas organizações de saúde

(eISBN:9788575416419)
Organizador(es): Sousa, Paulo; Mendes, Walter
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2019
Sinopse: Promover, proteger e recuperar a saúde é o que se espera dos serviços de saúde. Por isso, provoca espanto quando se fala que o processo de cuidado em saúde pode causar incidentes com danos. Alguns perigos são inerentes a esse processo – por exemplo, os efeitos colaterais conhecidos de determinados medicamentos. Outros podem ser consequências de erros, que acontecem em qualquer ramo de atividade, inclusive na saúde. Para fazer frente à frequência e à magnitude desses problemas, deve-se disseminar a cultura da segurança nos serviços de saúde, com o objetivo de melhorar a qualidade e os resultados desses serviços. Importantes contribuições nesse sentido podem ser encontradas nestes dois volumes. Os livros são desdobramento de um curso internacional de especialização em qualidade em saúde e segurança do paciente, oferecido na modalidade a distância (EAD) no âmbito de uma parceria entre a Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz e a Escola Nacional de Saúde Pública da Universidade Nova de Lisboa. Especialistas brasileiros e portugueses produziram materiais didáticos para o curso, pois se verificou uma escassez de publicações sobre essas temáticas, sobretudo em língua portuguesa. Contudo, os materiais ganharam vida própria, independente do curso. Estruturadas de modo a suprir as reais necessidades de formação de médicos, enfermeiros, farmacêuticos, profissionais das tecnologias da saúde e gestores, as coletâneas têm por base conhecimentos e evidências que refletem o atual estado da arte em segurança do paciente. Os leitores – não só do Brasil e de Portugal, mas de toda a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) – encontrarão subsídios para que, no dia a dia, mudanças na prática dos cuidados resultem em serviços mais seguros em todos os pontos da atenção à saúde.
19.

Segurança do paciente: criando organizações de saúde seguras

(eISBN:9788575416426)
Organizador(es): Sousa, Paulo; Mendes, Walter
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2019
Sinopse: Promover, proteger e recuperar a saúde é o que se espera dos serviços de saúde. Por isso, provoca espanto quando se fala que o processo de cuidado em saúde pode causar incidentes com danos. Alguns perigos são inerentes a esse processo – por exemplo, os efeitos colaterais conhecidos de determinados medicamentos. Outros podem ser consequências de erros, que acontecem em qualquer ramo de atividade, inclusive na saúde. Para fazer frente à frequência e à magnitude desses problemas, deve-se disseminar a cultura da segurança nos serviços de saúde, com o objetivo de melhorar a qualidade e os resultados desses serviços. Importantes contribuições nesse sentido podem ser encontradas nestes dois volumes. Os livros são desdobramento de um curso internacional de especialização em qualidade em saúde e segurança do paciente, oferecido na modalidade a distância (EAD) no âmbito de uma parceria entre a Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz e a Escola Nacional de Saúde Pública da Universidade Nova de Lisboa. Especialistas brasileiros e portugueses produziram materiais didáticos para o curso, pois se verificou uma escassez de publicações sobre essas temáticas, sobretudo em língua portuguesa. Contudo, os materiais ganharam vida própria, independente do curso. Estruturadas de modo a suprir as reais necessidades de formação de médicos, enfermeiros, farmacêuticos, profissionais das tecnologias da saúde e gestores, as coletâneas têm por base conhecimentos e evidências que refletem o atual estado da arte em segurança do paciente. Os leitores – não só do Brasil e de Portugal, mas de toda a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) – encontrarão subsídios para que, no dia a dia, mudanças na prática dos cuidados resultem em serviços mais seguros em todos os pontos da atenção à saúde.
20.

O massacre de Manguinhos

(eISBN:9788575416402)
Autor(es): Lent, Herman
Editora: Editora FIOCRUZ
Idioma(s): Português
Ano: 2019
Sinopse: A nova edição de O Massacre de Manguinhos inaugura a Coleção Memória Viva, criada para tornar acessíveis aos leitores obras de reconhecida relevância acadêmica e institucional. A coleção é fruto do projeto “Acesso aberto e uso da literatura científica no ensino”, desenvolvido no Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), onde as políticas de acesso aberto têm sido encaradas como estratégicas para o fortalecimento da ciência e da saúde pública. O pesquisador Herman Lent narra a repressão da ditadura militar à atividade científica na Fundação Oswaldo Cruz.
Resultados 1 - 20 de 223